ONU pede investigação de assassinatos de policiais e negros nos EUA

0
52

Black Lives MatterCom informações da ONU

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, pediu nesta sexta-feira (8) investigação completa e imparcial do assassinato de cinco policiais em Dallas, nos Estados Unidos, na véspera, assim como do assassinato de dois homens negros por policiais nesta semana no país.

Os policiais foram mortos por atiradores não identificados durante protesto em Dallas após o assassinato de Philando Castle, em Minnesota, e Alton Sterling, em Louisiana, por policiais. Sterling e Castile se tornaram os 122º e 123º negros mortos pela polícia norte-americana em 2016, segundo banco de dados da imprensa internacional.

De acordo com o porta-voz, Ban Ki-moon enviou condolências às famílias e colegas das vítimas, assim como ao departamento de polícia de Dallas.

“Não há justificativa para tal violência. Os responsáveis agravaram o sofrimento de muitos norte-americanos após o assassinato de dois homens afro-americanos em dois dias. Esses assassinatos precisam ser alvo de uma investigação completa e imparcial”, disse.

“Eles mais uma vez colocam o foco na necessidade de endereçar a discriminação, a disparidade racial entre os oficiais da lei, de maneira abrangente.”