São Tomé e Príncipe: país comemora 41 anos de independência

0
278

Rotina na capital - Foto: http://stprincipe.tumblr.com/
Rotina na capital – Foto: http://stprincipe.tumblr.com/

Por dentro da África

Texto atualizado em 2016

Há 41 anos, São Tomé e Príncipe, um estado insular que abrange duas ilhas principais (São Tomé e Príncipe) e várias ilhotas, se tornava independente de Portugal. O país de aproximadamente 190 mil habitantes, que está próximo do Gabão, Guiné Equatorial, Camarões e Nigéria, celebrou a data com o lema consenso político e coesão social.

As ilhas de São Tomé e Príncipe estiveram desabitadas até 1470, quando navegadores portugueses chegaram à zona do Golfo da Guiné. Em 12 de julho de 1975, após mais de 500 anos nas mãos de Portugal, o arquipélago ganhou liberdade. Após a independência, o governo implantou um regime socialista de partido único e, em apenas 1990, foi adotada uma nova constituição, instituindo o pluripartidarismo.

Mapa de São ToméNeste domingo (12), o presidente Manuel Pinto da Costa presidiu às celebrações oficiais na Praça da Independência, na capitaL, que conserva resquícios da arquitetura colonial, com edifícios muito antigos do século XVI como o forte de São Sebastião, atual museu nacional.