Membros do Conselho de Segurança consideram sanções contra o Sudão do Sul

0
  •  
  •  

Sudão do Sul – Foto: ONU

Rio – Membros do Conselho de Segurança das Nações Unidas visitaram essa semana o Sudão do Sul, país que vive uma intensa crise humanitária. Desde dezembro do ano passado, mais de 1,5 milhão de pessoas foram deslocadas e cerca de 100 mil civis vivem hoje em bases da ONU em todo o país.

A visita inclui uma reunião com o presidente do Sudão do Sul, Salva Kirr, representantes agências humanitárias e membros da sociedade civil. Na semana passada, o Conselho emitiu um comunicado expressando preocupação com a situação política no país e ressaltou que estava pronto para considerar “todas as medidas adequadas, incluindo sanções” contra aqueles que minam a paz, a estabilidade e a segurança da região.

“O Conselho de Segurança expressa a sua disponibilidade para ponderar, em consulta com as partes relevantes, incluindo IGAD e a União Africana, todas as medidas adequadas, incluindo sanções contra aqueles que coloquem em risco a paz e a segurança do Sudão do Sul”, disse o representante permanente do Reino Unido junto às Nações Unidas, Mark Lyall Grant.

Veja o vídeo aqui 

Com informações da ONU 


  •  
  •