ONU usa satélite para mapear deslocados no Sudão do Sul

1
54
Sudão do Sul - UN
Sudão do Sul – UN

Rio – O Programa de Aplicações Operacionais por Satélite das Nações Unidas (UNOSAT) está analisando imagens de satélite para produzir informações complementares sobre a situação de milhares de pessoas deslocadas internamente (IPD, na sigla em inglês) pela violência no Sudão do Sul.

– Procuramos por IDPs e sinais de destruição de infraestruturas civis em áreas urbanas afetadas pela violência armada – explicou Lars Bromley, do UNOSAT, que monitora a presença e a movimentação dos deslocados na vizinhança de instalações da ONU.

Mais 63 mil pessoas buscam abrigo em bases da ONU no Sudão do Sul

– Também estamos fornecendo informações e imagens aos nossos colegas da ONU no secretariado, que trabalham para apoiar a UNMISS [Missão das Nações Unidas no Sudão do Sul] no campo – comentou o diretor do UNOSAT, Einar Bjorgo, sobre o pedido da Seção de Cartografia das Nações Unidas, do Departamento de Apoio Logístico.

Em pelo menos um dos mapas do UNOSAT, deslocados podem ser vistos em uma das bases da UNMISS próximo ao aeroporto de Juba. Outro mapa mostra que algumas pessoas escolheram fixar seu acampamento próximo a uma base da UNMISS, buscando proteção contra a violência.

Com informações da ONU

1 COMMENT

  1. se o povo soubesse a ONU é uma organização que apoia a violência sobre o povo AFRICANO , esse monitoramento nada mais é um ato de avisar aos inimigos do povo onde eles estão , nunca acreditei na ONU, os países que saqueia a AFRICA todos pertence as nações unidas , a ONU é hipócrita sempre ajudou no extermínio dos povos AFRICANO , quem não conhece é quem compra .