Crianças enfrentam ‘consequências desastrosas’ em conflito no norte da Nigéria

0
96
Crianças em escola na Nigéria. Foto: UNICEF

Com informações da ONU

“As crianças estão sofrendo as terríveis consequências do conflito na Nigéria, perdendo suas casas, sem acesso à educação e arriscando suas vidas”, afirmou, nesta terça-feira (20) o porta-voz do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF). Christophe Boulierac, em Genebra (Suíça).

Os recentes ataques do Boko Haram em Baga provocaram uma nova onda de refugiados nos países vizinhos, agravando a crise humanitária na região, que já tem 1 milhão de pessoas deslocadas e mais de 135 mil refugiados em Camarões, Chade e Níger. Nove mil pessoas foram para o Chade somente em janeiro. Mais de 100 crianças chegaram sozinhas. Em Camarões, as crianças representam 60 % dos 25 mil refugiados nigerianos que vivem no acampamento de Minawao, e no Níger, mulheres e crianças constituem 70% dos 100 mil refugiados nigerianos.

O UNICEF está trabalhando em toda a região, distribuindo suprimentos, vacinando as crianças, oferecendo tratamento àquelas com desnutrição aguda grave e dando apoio psicossocial.

Com informações da ONU