Tribunal Penal Internacional condena responsável por ataques a Timbuktu

0
97

Foto: TPI – Ahmad al-Faqi al-Mahdi

Por dentro da África

O Tribunal Penal Internacional (TPI) condenou, nesta terça-feira (27), o maliano Ahmad al-Faqi al-Mahdi por ser responsável pelo ataque a nove mausoléus em Timbuktu e à mesquita Sidi Yahya no ano de 2012. A sentença de Ahmad, que fazia parte de Ansar Dine, um dos grupos terroristas ligados à Al-Qaeda no Magreb islâmico, foi de nove anos.

O Tribunal Penal Internacional e os senhores da guerra na África

Timbuktu, Patrimônio da Humanidade localizado no norte do Mali, era a capital intelectual e espiritual e um centro de propagação do Islã em toda a África durante os séculos 15 e 16. Localizado na saída para o deserto do Saara, a cidade é uma das regiões do continente mais lembradas em toda a história.

Timbuktu (Mali)
Timbuktu (Mali)

Timbuktu foi fundada no século 5, mas seu apogeu econômico e cultural foi durante os séculos 15 e 16. A Universidade de Sankore, que ficava no centro de disseminação da cultura islâmica, tinha mais de 25.000 alunos.

As três grandes mesquitas de Djingareyber, Sankore e Sidi Yahia são exemplos excepcionais de arquitetura e manutenção das técnicas tradicionais de barro.