Música: Campanha da Cáritas pede instrumentos para refugiados congoleses

0
55

Captura de tela 2016-04-04 às 18.26.43Com informações da Cáritas

Em abril de 2015, Tonton (à direita) deixou a República Democrática do Congo e veio para o Rio de Janeiro como refugiado. Com ele, vieram não só a esposa e a filha recém-nascida, mas também o talento para cantar. Quatro meses depois, Tonton conheceu Emony na Cáritas RJ. Descobriu que o compatriota tocava violão e acordeão, mas não tinha trazido os instrumentos. O violão do vídeo é da igreja onde eles cantam.

“Eu não tinha ideia de que um dia viria para o Brasil. O que me trouxe aqui foi a guerra que existe na minha terra. Se não fosse por isso, eu não estaria aqui. Eu vivia muito bem, não faltava nada para mim e para a minha família. Mas não trouxe nada comigo, apenas a minha voz, porque não tinha como ela ficar (risos).”

“Precisamos de violão, acordeão e teclados para formar um grupo. Tem muitos refugiados com talento para a música.” Se você tem um desses instrumentos ou conhece alguém que possa ajudar, entre em contato conosco: comunicacao@caritas-rj.org.br.

Saiba mais sobre a dupla aqui!