Universidade nos Estados Unidos recebe seminário “A Terra como prisão?”

0
66

A Terra como uma prisão?
A Terra como uma prisão?

Na próxima segunda-feira, dia 25, a Universidade de Duke, nos Estados unidos, exibirá “A Terra como uma prisão? Notas da África e suas diásporas”, de Sarah Nuttall. O encontro mostrará, a partir de filmes e instalações, como humanos e não-humanos são cada vez mais co-existentes em um mundo afro-diaspórico. O encontro também destacará a relação entre os limites do natural e social, entre a terra como uma prisão e as consequências humanas de um futuro tecnológico.

Sarah Nuttall é o autora de Entanglement: Reflexões literária e cultural na pós-apartheid (Wits UP, 2009) e co-editora de vários livros, incluindo Negotiating the Past: The Making of Memory in South Africa (Oxford UP, 1998), Johannesburg – The Elusive Metropolis (Duke UP, 2008), and Load Shedding: Writing On and Over the Edge of South Africa (Jonathan Ball, 2009).

Sugestão de leitura para o encontro
* W. E. B. Du Bois. “O Cometa” (1920). Dark Matter: Um Século de ficção especulativa da diáspora Africano. Ed. Sheree R. Thomas. New York: Grand Central Publishing, 2000. 5-18 * Bruno Latour. “Agência no momento do Anthropocene”. Nova História Literária 45,1 (2014): 1-18.

* Robert MacFarland. “Geração Anthropocene:. Como seres humanos alteraram o planeta para sempre” Guardião 01 de abril de 2016.

Serviço:

QUANDO
Segunda-feira, abril 25, 2016 12:00 – 15:00 (EDT)

ONDE
Ahmadieh Família Palestra Hall, Bay 4, Smith Warehouse (Garagem) – Franklin Humanidades Institiute, Universidade Duke 114 S. Buchanan Blvd., Durham, NC 27701, Estados Unidos.

Saiba mais aqui