TV Brasil exibe Ciclo de Cinema Africano

0
105

Com informações da TV Brasil

A partir desta segunda-feira, a TV Brasil estreia o Ciclo de Cinema Africano. Nesta nova sessão, a emissora reúne cinco produções sobre países da África como Angola, Senegal, Nigéria e Moçambique. A faixa sobre a sétima arte africana vai ao ar sempre às 23h até a sexta-feira, 7 de agosto.

A primeira produção homenageia a diva caribenha Calypso Rose que dá nome ao documentário. Para realizar a obra, a cineasta franco-camaronesa Pascale Óbolo acompanhou a cantora em uma jornada de quatro anos que percorreu Paris, Nova Iorque, Trinidad, Tobago e África.

Para o gerente de Aquisições Internacionais da TV Brasil, José Zimmerman, o novo ciclo oferece a chance de conhecer uma forma diferente de se fazer cinema. “Sabe-se muito pouco sobre a filmografia africana aqui no país. A sessão traz uma linguagem cinematográfica diversa do que se está acostumado a ver no Brasil. Apesar dos festivais dedicados a produções do continente, os títulos da África não são muito lembrados pelo grande público e muito menos pela mídia”, pondera.

Gênero musical angolano, o kuduro ganhou visibilidade no mundo e movimenta a nova sessão da TV BrasilGênero musical angolano, o kuduro ganhou visibilidade no mundo e movimenta a nova sessão da TV Brasil"O Preço do Perdão" está agendado para quarta (5/8)“O Preço do Perdão” está agendado para quarta (5/8)Drama e documentários formam a programação do Ciclo de Cinema Africano da emissora pública. A segunda atração da faixa, na terça (4), às 23h, é o recém-lançado filme angolano “Eu amo Kuduro, de Angola para o mundo”. O realizador português Mário Patrocinio desvenda a expansão do gênero a partir do advento da internet. A produção resgata gêneros musicais criados em diversos países que passaram a ser reconhecidos numa mesma cena global.

Já na quarta (5), em mesmo horário, o drama “O Preço do Perdão”, de Senegal, é o destaque da sessão. Inspirado no romance homônimo do escritor Mbissane Ngom, o longa busca respeitar a tradição da cultura oral africana. O cineasta senegalês Mansour Sora Wade narra a trama sobre um espesso nevoeiro que cobre uma vila da costa sul do país.

Os desafios na vida de um ex-lutador de Serra Leoa acusado de assassinar os pais dão o tom do drama nigeriano “Ezra”. A película vai ao ar na faixa desta quinta (6), às 23h. O premiado longa “Virgem Margarida”, de Moçambique, termina o Ciclo de Cinema Africano na sexta (7), também às 23h. O filme aborda o drama de uma jovem camponesa que foi confundida com uma prostituta.

 

Confira a programação completa de filmes do Ciclo de Cinema Africano na TV Brasil

Calypso Rose"Virgem Margarida" encerra a sessão da TV Brasil“Virgem Margarida” encerra a sessão da TV Brasil
Data: 03/08 (segunda-feira), às 23h

Eu amo Kuduro, de Angola para o mundo
Data: 04/08 (terça-feira), às 23h

O Preço do Perdão
Data: 05/08 (quarta-feira), às 23h

Ezra
Data: 06/08 (quinta-feira), às 23h

Virgem Margarida
Data: 07/08 (sexta-feira), às 23h