São Paulo: Museu receberá concerto em homenagem ao Dia da Consciência Negra

0
60

Foto de Renan Perobelli

Com informações da Baobá Comunicação

Em homenagem ao homenagem ao Dia da Consciência Negra, comemorado em 20 de novembro, o Instituto Baccarelli levará ao palco do MASP a Orquestra Sinfônica Heliópolis (OSH). Com ingressos a preços populares, o programa incluirá obras de consagrados compositores brasileiros, como Pixinguinha e Chiquinha Gonzaga.

Na segunda parte do programa, a OSH brindará a plateia com obras assinadas por grandes compositores brasileiros. De Antonio Carlos Gomes (1836-1896), será executada “Pensamentos”; de Oscar Lorenzo Fernandez, “Essa Nega Fulô; de Radamés Gnattali (1906-1988), “Suíte Retratos”. O encerramento trará para a plateia duas obras de grande popularidade: “Corta-Jaca”, de Chiquinha Gonzaga (1847-1935), e “Carinhoso”, de Pixinguinha (1897-1973).

À tarde, sobem ao palco do auditório da Avenida Paulista os músicos da Camerata do Instituto Baccarelli, sob a orientação de Pedro Visockas, e participação de Juan Rossi ao violino. O repertório inclui a “Sinfonia de Cordas n0 1 em Dó Maior”, de Felix Mendelssohn-Bartholdy (1809-1847); o “Concerto Para Violino em Ré Maior, Op. 2 no 12 – O Labirinto Harmônico”, de Pietro Locatelli (1695-1764); e, para fechar a apresentação, o “Concerto Grosso em Lá Menor, Op. 6 nº 4, HWV 322”, de Georg Friedrich Händel (1685-1759).

Auditório MASP Unilever

Endereço: Avenida Paulista, 1578

Dia e horário: 20/11, às 11h e às 16h

Duração: 60 minutos

Ingressos (preços populares): R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia)

Capacidade: 374 pessoas; há acesso para portadores de necessidades especiais
Vendas: bilheteria do MASP ou pela Ingresso Rápido (www.ingressorapido.com.br ou 11/4003.1212)

Classificação: livre