Oficina de cantigas e percussão afro-brasileira será realizada em universidade do Ceará

0
270

BANTURio – Nos próximos dias 13 e 14 de maio, a Universidade Estadual do Ceará, em Fortaleza, será palco da Kubata Bantu: Oficina de Oralidade, Cantigas Bantu e Percussão Afro-brasileira. O evento faz parte do Kalimbaria, projeto de pesquisa focado na herança bantu do continente africano.

– Durante a oficina, os participantes tocarão com seus próprios instrumentos em meio às cantigas em Kimbundu, Kikongo e Lingala (línguas africanas). Abordaremos a herança cultural dos povos bantu no Brasil, referências de hábitos e costumes. Em seguida, haverá uma apresentação com o áudio de diversos instrumentos africanos – disse ao Por dentro da África Fábio Simões, responsável pelo programa Kubata Bantu!

– Eu chamo essa vivência de Kubata Bantu! Kubata é casa (na língua kimbundu) e bantu significa seres humanos. Esse encontro abrange palestras, shows, contação de histórias… Tudo cabe nessa kubata – brincou Fábio.

Fabio, que pesquisa instrumentos e cultura africana há mais de 15 anos com o projeto Kalimbaria, lembra que parte importante da oficina será a participação dos alunos com os seus respectivos instrumentos como tambores, chocalhos e percussão. As cantigas serão ensinadas de maneira bem didática para que os alunos possam aprendê-las em dois dias!

Serviço: Centro de Humanidades da Universidade Estadual do Ceará -Avenida Luciano Carneiro, 345. Bairro de Fátima – CE

Horário: 14h às 17h dos dias 13 e 14 de maio.

Valor: R$35 pelos dois dias

Inscrições feitas pelo email batatinha25ce@hotmail.com

Por dentro da África