Edital seleciona instituições com projetos dedicados à juventude negra

0
98

juventude vivaDe acordo com o Mapa da Violência 2015, quem mais sofre vítima da agressões e mortes no Brasil são os jovens negros. A partir dessa premissa, a Secretaria Nacional de Juventude (SNJ) abre chamada pública voltada a instituições com propostas de ações para jovens em situação de vulnerabilidade social, em especial jovens oriundos do Sistema Socioeducativo e dos Territórios do Plano Juventude Viva.

O Plano Juventude Viva, encabeçado pela SNJ e Secretaria de Políticas Pela Igualdade Racial (Seppir), reúne medidas de prevenção no intuito de reduzir a vulnerabilidade de jovens negros a situações de violência física e simbólica, a partir da criação de oportunidades de inclusão social e autonomia para os jovens.

A Chamada pública tem o objetivo de selecionar propostas oriundas de organizações privadas sem fins lucrativos que tenham por objeto o desenvolvimento e execução de metodologia de acompanhamento especializado para jovens, de 15 a 21 anos. As instituições deverão ofertar atividades esportivas e/ou cultural, capacitação de jovens para o mundo do trabalho, indicação de metodologia de acompanhamento e avaliação. As propostas devem ser feitas até 18 de outubro de 2015 no site do SICONV.

Leia o edital na íntegra

Saiba mais

Das 56.804 mortes por homicídio registradas em 2013 no Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM), do Ministério da Saúde, 30.213 eram de jovens, representando 53,19% do total. Os dados do Mapa da Violência 2015 apontam que os jovens representam 54,8% da população encarcerada. Desses, 60,8% são negros.

Texto: Ascom SNJ