Duque de Caxias recebe seminário sobre cultura das religiões de matrizes africanas

0
91

 

Casa Pai Anderson – Divulgação

Com informações do CEAP

Nos dias 27 e 28 de novembro, o Centro de Articulação de Populações Marginalizadas – CEAP, realizará na Universidade Estácio de Sá, de Duque de Caxias, o Seminário História, Memória, Cultura e Direitos das Religiões de Matrizes Africanas.

No encontro, também haverá exposição de produtos produzidos pelos terreiros, barracas de alimentos e apresentações de grupos culturais afro descendentes ou de religiões de matrizes africanas.

Programação – Dia 27 (sexta) de novembro

Apresentação dos objetivos e programação do seminário, com Tania Jandira, do Ceap – das 18h15 às 18h25.

Apresentação Cultural, com Toques de Nações, pelos Ogãs Eduardo Vianna, Sergio Gonçalves de Lima, Agnaldo, Valter Macumba e Asógun Marcio Nascimento, das 18h25hs às 18h40.

Mesa com o tema: Legados históricos e a memória da cultura das religiões de matrizes africanas; com os palestrantes: Pai Junior de Omolu (Asè Bangbosè), Rodrigo Pereira (PPGArq/LHER) e Mama Ladejí (Asé Goméia); tendo como mediadora Tania Jandira (Ceap), das 18h40 às 20h40.

Apresentação cultural do Afoxé Farymará do Ylê Omon Oyá Legy, das 20h40 às 21h.

Destaque para o Mercado dos ilês, stands com produtos e comidas sagradas, das 16h às 21h.

Programação – Dia 28 (sábado) de novembro

Café da manhã e boas vindas, com Pai Yango de Obaluaiê (Ceap), das 10h às 10h25.

Mesa Redonda, com o tema: Patrimônio Imaterial e políticas públicas: perspectivas de sustentabilidade para instituições religiosas de matriz africana e afro-brasileira; com os palestrantes: Dra. Nilma Lino Gomes (Ministério das Mulheres, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos), Dra.Cida Abreu ( Fundação Cultural Palmares), Dra. Jurema Machado (Presidente do IPHAN), Dr. Juca Ferreira ( Ministério da Cultura), Dra. Maria Ribeiro (superintendente de Igualdade Racial, RJ); tendo como mediador: Semog (Ceap), das 10h30 às 12h30.

Entrega dos certificados de conclusão do curso, das 12h30 às 13h30. Na sequência, apresentação de ações sociais / culturais e projetos de Terreiros e Desfile de trajes rituais e étnicos.

Mesa Redonda, com o tema: Ifá, cultura da Nigéria – Candomblé Keto-Brasil; com os palestrantes: Babalaô Jokotoye Bankole e o Babalalô Ivanir dos Santos; tendo como mediador Pai Yango de Obalauaiê (Ceap), das 14h30 às 16h.

Apresentação do Bloco de Afoxé Ilê Ala Casa de Oxalá e Oxum, das 16h às 16h30. Logo em seguida, das 16h30 ás 18h – Mesa Redonda, com o tema: Respeito às Religiões de Matrizes Africanas. Questão em debate. Com os palestrantes: Babalaô Ivanir dos Santos e a Yalorixá aria de Xangô (Asé Pantanal), com mediadora Tania Jandira (Ceap).

Fechando o evento com o Grupo Afro Lemi Ayô, às 18h.

O Mercado dos ilês – funcionará das 10h às 18h30, com stands com produtos e comidas sagradas, vale conferir.

Dias:

27 (sexta) de novembro, das 18h ás 21h30 e

28 (sábado), das 10h às 18h30
Universidade Estácio de Sá – Auditório

Rua Major Correia de Melo, 86 – Jardim 25 de Agosto, em Duque de Caxias.

Entrada Franca