África em Verso: “Surpresa do mundo! Natalia e mãe Delfina Ngonga”

0
66

Por Gabriel Ambrósio

Mavenda Nuni ya África

Surpresa do mundo. Amada!

Quando vi, de repente, bateu uma gama de saudade;

O sorriso aparente,

aquele desejado pelo Nuni ante (pássaro na língua kikongo).

 

Que seja o reconhecimento amigável.

Inimaginável fato quando encontro uma imagem de selfie…

A alma agradece, as estrelas te louvam.

Mas talvez seja única selfie que poderei sentir paixão.

 

Natalia com minha deusa Delfina Ngonga, em terras de Ntotilas.

Admirada e emocionada…

E bem ela escreveu: “o mundo é pequeno”.

Saudades de surpresas no mundo.

Deusa e uma princesa que conheci pelo facebook.

 

E assim, os ancestrais têm poder de amizade. Em terras de Natalia!

E ela em terras de ancestrais.

O nosso berço cultural.

Emoção rara do fazer mexer os dedos.

 

Pássaro viajante e brilho da visão delas,

fascinava os miolos e olhos…

a selfie deu alegria e emoção.

Parece um sonho,

mas é verdade por cima de uma realidade nos confins de Angola.

 

Falamos em kikongo: mongo a mongo kebe wananaga ko

(as montanhas não se encontram).

Isso me faz pensar justamente esse encontro:

Natalia e sua equipa em Mbanza-Kongo.

Por bem da cultura de raízes dos ancestrais

 

Eis um marco homenageante, duas estrelas na selfie.

Faltaram os sons de andorinhas

para nossas amizades.

 

Por Gabriel Ambrósio.

Mavenda Nuni ya África. 2014

Gabriel Ambrósio ao lado da irmã e mãe – Arquivo Pessoal

Natalia da Luz, da equipe do Por dentro da África, encontrou a mãe de Gabriel Ambrósio (angolano e colaborador do Por dentro da África) em um mercado de Mbanza-Kongo (Angola). As duas conversavam entre milhares de pessoas quando Delfina disse que sentia falta do filho que estava no Brasil. Ao mencionar o nome de Gabriel Ambrósio, Natalia ficou emocionada e disse que os dois eram amigos! Diante da feliz coincidência nas terras dos reis do Kongo, o poeta Gabriel escreveu os versos acima!

Por dentro da África