África em Verso: “Alma pan-africanista”, por Mavenda Nuni yÁfrika

0
111
Bom dia de Burundi! Registro da leitora Fotógrafa Virginia Maria Yunes!
Bom dia de Burundi! Registro da leitora Fotógrafa Virginia Maria Yunes!

Mavenda Nuni yÁfrika

Por dentro da África

Mais de 5O anos da luta pela exploração dos próprios africanos

A luta continua de fome e paz!

A paz dos alienados coitados

O grito incessante do poderoso milagre dos leões,

no meio do povo sem paz

Como desunirão 50 anos em vão!?

Atraíram o sonho dos verdadeiros filhos e deuses da paz

África, até quando minha mãe!?

Querida idolatrada!

As minhas mil línguas gritam orgulhosamente as indígenas

Os rios comigo o Nilo kwanzas.

As belas montanhas vibram de estranheza do ser divino.

A força pan-africanista nas minhas veias.

Oh! África, liberta-se!

Tu és a fonte deste planeta…

Deus copiado em África egiptado e hoje Todos o adoram!

África hoje e não o futuro,

futuro é para o teu deus sem cara,

sem fome mental, nem alienação cultural.

Quero independência total, choro por ti, cansado de ser enganados.

As migalhas não têm nada.

Mostra a sua grandeza, o amor inacabável.

Mas o ódio por traidores é inevitável…

Oh berço mundial, guarda as riquezas de sabedoria dos teus filhos…

Uns lá e outros aqui.

Sempre estaremos assim?

Mavenda Nuni yÁfrika ( Gabriel Ambrósio).

Maio de 2014.