Cesária Évora: Quatro anos sem a ‘diva dos pés descalços’

0
182

Captura de tela 2015-12-18 às 01.37.29Cantora de maior reconhecimento internacional da história da música popular cabo-verdiana, Cesária Évora completaria hoje, dia 17 de dezembro, 74 anos de idade.

Em 2004, Cesária conquistou um prêmio Grammy de melhor álbum de world music contemporânea. O presidente francês, Nicolas Sarkozy, distinguiu-a, em 2009, com a medalha da Legião de Honraentregue pela ministra da Cultura francesa Christine Albanel.

No dia 17 de dezembro de 2011, Cesária faleceu com “insuficiência cardiorrespiratória”.

Abaixo, veja alguns dos prêmios concedidos à cantora relembrados pelo site http://cesariaevora.sapo.cv/biografia/:

Em 1999, Portugal, agraciou Cesária Évora com a medalha da Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique. O galardão Les Victoires de la Musique para Melhor Álbum de World Music foi-lhe atribuído por duas vezes: em 2000 pelo álbum “Café Atlântico” e em 2004 pelo álbum “Voz d’Amor”.

“Voz d’Amor” foi igualmente premiado em 2004, com o Grammy para Melhor Álbum de World Music. Em 2009, o presidente francês Jacques Chirac distinguiu-a com a medalha da Legião de Honra de França. Em Dezembro de 2010, no Rio de Janeiro, o Presidente Lula da Silva condecorou Cesária Évora com a medalha de Ordem do Mérito Cultural 2010.

Cesária Évora foi distinguida com o prémio carreira na gala do Cabo Verde Music Awards 2011. A título póstumo, a cantora foi homenageada com uma estátua no Aeroporto de São Vicente, que a partir de Março de 2012, passa a designar-se Aeroporto Internacional Cesária Évora.