Mark Zuckerberg investe em projetos de tecnologia na África

0
190
Andela – Divulgação

Com informações da Andela

Andela, uma empresa que recruta desenvolvedores de software talentosos na África, recebeu, no último dia 16, um financiamento de US$ 24 milhões da Iniciativa Zuckerberg Chan.

Fundado por empresários veteranos da América do Norte e da África, Andela tem crescido em um dos movimentos de tecnologia mais visíveis no continente africano, fazendo a ponte entre os desenvolvedores de software especializados e as empresas que deles necessitam.

“Vivemos em um mundo onde o talento é uniformemente distribuída, mas a oportunidade não é. A missão da Andela é fechar essa lacuna”, diz Mark Zuckerberg.

Nos últimos dois anos, Andela recebeu mais de 40.000 aplicações. Uma vez aceito, os desenvolvedores passam seis meses completando projetos de código aberto para ganhar exposição à comunidade de desenvolvedores internacional.

“Identificar e garantir talento técnico é um ponto de dor para as organizações em todo o mundo. Andela está fazendo a ponte entre os desenvolvedores mais promissores da África e as empresas que precisam deles”, diz Jeremy Johnson, co-fundador e CEO da Andela.

Com cerca de 200 engenheiros atualmente empregados pelos seus escritórios na Nigéria e Quênia, Andela planeja anunciar um país terceiro africano até o final de 2016.