Brasil doa R$ 1,2 milhão para combater a fome no Sudão do Sul, Argélia e Haiti

0

ssd_20140708_wfp-jaqueline__1
Sudão do Sul – Foto – PMA

Com informações da ONU

O Programa Mundial de Alimentos das Nações Unidas (PMA) recebeu uma doação de 1,2 milhão de reais do governo brasileiro. A verba será destinada à distribuição de alimentos, à assistência para refugiados e a outras estratégias para acabar com a fome no Sudão do Sul, na Argélia e no Haiti.

O Sudão do Sul enfrenta uma guerra civil que já forçou mais de 1,8 milhão de pessoas a deixar suas casas e deixou 3,6 milhões de indivíduos em situação de insegurança alimentar.

A Argélia abriga refugiados do Saara Ocidental que já recebem ajuda do PMA, mas a agência da ONU está tendo dificuldades em captar os recursos necessários para atender as populações deslocadas.

O Haiti foi atingido em outubro pelo Furacão Matthew, que afetou 2 milhões de pessoas e deixou mais de 800 mil passando fome.

O montante disponibilizado pelo Brasil vem da Agência Brasileira de Cooperação (ABC), do Ministério das Relações Exteriores. O PMA é a maior agência humanitária lutando contra a fome no mundo, alcançando mais de 80 milhões de pessoas em 80 países com assistência alimentar.