Zimbábue: Opositores do governo afirmam que eleições foram manipuladas

0
  •  
  •  

Robert Mugabe, há 33 anos no poder - Foto: zimbabwenewsRio – De acordo com opositores do atual presidente do Zimbábue Robert Mugabe, as eleições presidenciais e legislativas do país, realizadas ontem, foram manipuladas.

Morgan Tsvangirai, líder da oposição, considera o pleito uma fraude. Ele e Mugabe partilhavam num governo de coligação, criado para acabar com a violência causada nas últimas eleições presidenciais, em 2008.

Primeiro-ministro e  presidente do Movimento para a Mudança Democrática (MDC), Tsvangirai descreveu as eleições nacionais como uma “enorme farsa”. Segundo ele, a votação não atendeu aos padrões eleitorais regionais ou do continente africano.

A organização não-governamental Zimbabwe Election Support Network, que acompanhou as eleições com sete mil observadores, informou que perto de um milhão de habitantes desapareceram das listas eleitorais.

O presidente Robert Mugabe (ZANU-PF), há 33 anos no poder, negou as acusações de manipulação e afirmou que as declarações faziam parte de uma campanha de difamação.

Por dentro da África 


  •  
  •