Sudão do Sul: ONU precisa de 485 milhões para ajudar 3 milhões de pessoas

0
  •  
  •  

Trabalhadores humanitários coordenam uma reunião no estado de Jonglei, no Sudão do Sul. Foto: OCHA  Rio – Agências de ajuda humanitária no Sudão do Sul precisam de 485 milhões de dólares até o final deste ano para ajudar 3 milhões de pessoas, disse o Escritório das Nações Unidas para a Coordenação de Assuntos Humanitários (OCHA).

O coordenador humanitário da ONU no Sudão do Sul, Toby Lanzer alerta que as hostilidades têm deslocado milhares de pessoas no estado de Jonglei e que 2,2 milhões de pessoas precisam de alimentos e assistência humanitária para sobreviver.

Desenvolvido pelo governo e 114 parceiros humanitários, incluindo as agências da ONU e organizações não governamentais, o apelo consolidado para o Sudão do Sul buscou 1,16 bilhão de dólares de doadores para atender às necessidades humanitárias urgentes no país quando foi lançado, em novembro de 2012.

Esse número foi posteriormente reduzido para 1,05 bilhão de dólares. O OCHA observou que os doadores contribuíram com 567 milhões de dólares até meados de junho, deixando um déficit de 485 milhões.

Com informacões da ONU 


  •  
  •