•  
  •  

liberdade

Rio – Acusados de “alterarem a ordem pública do país”, segundo comunicado do Serviço de Investigação Criminal, 15 ativistas angolanos ainda permanecem presos desde o dia 20 de junho. O grupo foi detido e teve seus equipamentos apreendidos enquanto se reunia em Luanda. Opine no fórum abaixo! 

– Na ocasião, computadores, câmeras e gravadores foram recolhidos nas casas dos detidos. A polícia acompanhou todos eles até as suas respectivas residências e fez a apreensão de tudo o que encontrou. Os agentes não possuíam mandato, por isso, levaram também equipamentos de outras pessoas das famílias – detalha em entrevista exclusiva ao Por dentro da África, José do Patrocínio, um dos fundadores da OMUNGA, Associação Angolana de Promoção e Proteção de Direitos Humanos.Leia a entrevista aqui 

Assine a petição que pede a liberdade dos presos políticos

[bbp-single-topic id=20789]


  •  
  •