Conheça as seleções africanas que participarão da Copa 2014

1
  •  
  •  

eto
Eto’o – Foto: CAF

Por dentro da África 

Rio – Dentre as 32 equipes participantes, a Copa do Mundo trará para o Brasil as seleções de Camarões, Gana, Nigéria, Argélia e Costa do Marfim. Neste post, Por dentro da África faz uma breve apresentação de cada uma delas e de seus respectivos países para fortalecer a torcida pelos africanos!

Pensando no estímulo à torcida,  jovens estudantes lançaram, semana passada, uma loja virtual com camisas das seleções compradas diretamente no continente africano!

Fernando e Abbe com as camisas das seleções africanas

O beninense Abbé Tossa e o brasileiro Fernando Cândido colocaram a ideia em prática pensando nos colecionadores e fãs de futebol! Confira as camisas aqui!

ARGÉLIA

A Argélia é um país da África do Norte com cerca de 38 milhões de habitantes e uma superfície de 2 381 741 km². É o maior país da bacia do Mediterrâneo e o mais extenso de todo continente africano, após a divisão entre o Sudão e o Sudão do Sul. Partilha suas fronteiras com Tunísia, Líbia, Níger, Mali, Mauritânia, o território contestado do Saara Ocidental e Marrocos.

Independente da França desde 1962, passou a integrar a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) no ano de 1969. Em fevereiro de 1989, a Argélia participou com os outros Estados magrebinos (região do noroeste da África), da crbandeira argelia 2iação da União do Maghreb Árabe.

A Constituição argelina define “o islã, os árabes e os berberes” como “componentes fundamentais” da identidade do povo argelino. Atualmente, o árabe é a língua principal e cerca de 15% da população ainda fala a língua berbere (habitantes vivem maioritariamente nas regiões do norte do país, mas também incluem os tuaregues do Saara).

Aproximadamente  1% da população argelina é descendente europeia, número bem inferior ao cenário que antecedida a independência, quando os europeus eram 10% da população.

Argélia na Copa 

Sofiane Feghouli – Divulgação

Nas outras três participações em Mundiais – 1982, 1986 e 2010 – a equipe da Argélia não conseguiu chegar às oitavas de final. A seleção, contudo, pode se orgulhar de um feito: foi o primeiro país africano a vencer uma partida em uma Copa do Mundo, quando superou a Alemanha Ocidental por 2 x 1 em 1982.

Nas Eliminatórias Africanas para 2014, a equipe enfrentou Burkina Faso no mata-mata decisivo: perdeu o primeiro jogo por 3 x 2, mas ganhou em casa por 1 x 0 e selou a classificação.

Alguns números 

  • Uma vez campeão da Copa das Nações Africanas (Argélia, 1990).
  • Uma vez Vice-Campeão da Copa das Nações Africanas (Nigéria, 1980).
  • Uma medalha de ouro nos Jogos Pan-Africanos (Argélia, 1978).
  • Uma vez Vice-Campeão do Campeonato Africano Sub-17 (Argélia, 2009)
  • Uma Medalha de Bronze nos Jogos Pan-Árabes (Marrocos, 1985)
  • Bicampeão da Copa Afro-Asiática de nações

Classificação: vitória sobre Burkina Faso nas Eliminatórias Africanas
Ranking da Fifa: 22º
Melhor resultado: fase de grupos (1982, 1986 e 2010)
Craque: Sofiane Feghouli
Técnico: Vahid Halilhodzic

Grupo H 

Jogos da primeira fase da Copa

17/06 – Argélia x Bélgica, em Belo Horizonte, às 13h

22/06 – Argélia x Coréia do Sul, em Porto Alegre, às 16h

26/06 – Argélia x Rússia, em Curitiba, às 17h

COSTA DO MARFIM 

costa-do-marfimCom cerca de 20 milhões de habitantes, a Costa do Marfim é um país africano limitado por Mali, Burkina Faso, Gana, Libéria e Guiné. Sua capital é Yamoussoukro, mas a maior cidade é Abidjan.

O governo marfinês solicitou à comunidade internacional, em outubro de 1985, que o país fosse designado apenas pelo nome francês Côte d’Ivoire e vários países e organizações internacionais acataram. No entanto, em português o país é comumente designado pelo seu nome traduzido Costa do Marfim, o mesmo ocorrendo em outras línguas, como Ivory Coast em inglês.

Cerca de 76% da população é cidadã da Costa do Marfim e fala, predominantemente, francês. Desde que se estabeleceu como uma das economicamente mais prósperas nações de África ocidental que cerca de 20 % da sua população consiste em trabalhadores da Libéria, Burkina Faso e Guiné.

Ainda que não totalmente branca, 4% da população é de origem não africana. Há muitos descendentes de libaneses, franceses, britânicos e espanhóis. Há ainda uma minoria de missionários protestantes norte-americanos e canadenses.

Didier Drogba
Didier Drogba – divulgação

Costa do Marfim na Copa 

Com duas Copas no currículo, a Costa do Marfim sofre com um tabu: nunca passou da primeira fase. Na terceira oportunidade de disputar um Mundial, os marfinenses estão no Grupo C, ao lado de Colômbia, Grécia e Japão.

Para chegar ao Brasil, os marfinenses venceram o Senegal no mata-mata decisivo das eliminatórias africanas. 

Alguns números 

  • Copa das Nações Africanas: 1992
  • Jogos da Francofonia: medalha de ouro – 2005
  • Copa CEDEAO: 1983, 1987 e 1991
  • Copa das Confederações – 4º lugar: 1992
  • Campeonato Mundial de Futebol Sub-17 – 3º lugar: 1987
  • Campeonato das Nações Africanas – 2º lugar: 2006 e 2012
  • Jogos Pan-Africanos – medalha de bronze – 1965
  • Jogos da Francofonia – medalha de prata – 2009

Classificação: vitóricosta-do-marfima sobre Senegal nas Eliminatórias Africanas
Ranking da Fifa: 23º
Melhor resultado: fase de grupos (2006 e 2010)
Craque: Didier Drogba
Técnico: Sabri Lamouchi

Grupo C

Jogos da primeira fase 

14/06 – Costa do Marfim x Japão, em Recife, às 22h

19/06 – Costa do Marfim x Colômbia, em Brasília, às 13h

24/06 – Costa do Marfim x Grécia, em Fortaleza, às 17h

CAMARÕES

camaroesCom cerca de 20 milhões de habitantes, Camarões  é um país da África Central que faz fronteira com a Nigéria, Chade, República Centro-Africana, Guiné Equatorial, Gabão e República do Congo. O país é, muitas vezes, chamado de “África em miniatura” pela sua diversidade geológica e cultural. Seus cenários incluem praias, desertos, montanhas, florestas tropicais e savanas. O ponto mais alto é o Monte Camarões, no sudoeste, e as cidades mais populosas são Douala, Yaoundé e Garoua.

Camarões é o lar de mais de 200 grupos linguísticos e possui o inglês e o francês como seus idiomas oficiais. O país é conhecido por seus estilos musicais nativos, especialmente makossa e bikutsi, e pela sua seleção nacional de futebol.

Quando comparado com outros países africanos, Camarões goza de estabilidade política e social relativamente alta. Isso permitiu o desenvolvimento de estradas, ferrovias e grandes indústrias de petróleo e madeira. No entanto, um grande número de camaroneses vivem na pobreza como agricultores de subsistência.

Camarões na Copa

Camarões carimbou o passaporte para a sua sexta Copa (1982, 1990, 1994, 1998, 2002 e 2014) com uma goleada sobre a Tunísia por 4 x 1 na partida de volta do mata-mata das Eliminatórias da África. O primeiro jogo será contra o México, em Natal. O técnico alemão Volker Finke terá a seu favor a experiência dos atletas, já que a maioria atua em grandes ligas europeias. Além de Eto’o, o atacante Pierre Webo, do Fenerbahçe (TUR), e o volante Alexandre Song, do Barcelona (ESP), são os outros nomes de destaque.

Eto’o – Divulgação

Alguns números

  • Jogos Olímpicos: medalha de ouro – 2000
  • Campeonato Africano das Nações: 1984, 1988, 2000, 2002
  • Copa das Nações Afro-Asiáticas: 1985
  • Jogos Pan-Africanos: medalha de ouro – 1991, 1999, 2003, 2007
  • Copa do Mundo FIFA: 7º lugar – 1990
  • Copa das Confederações: 2º lugar – 2003
  • Campeonato Africano das Nações: 2º lugar – 1986 e 2008; 3º lugar – 1972
  • Copa CEMAC: 2º lugar – 2006
  • Copa UDEAC: 2º lugar – 1988, 1990
  • Jogos da Francofonia
  • Futebol nos Jogos Olímpicos de Verão de 2000 – Masculino – Campeão – medalha de bronze: 1997

Classificação: vitória sobre Tunísia nas Eliminatórias Africanas
Ranking da Fifa: 56º
Melhor resultado em Mundiais: quartas de final (1990)
Craque: Samuel Eto’o
Técnico: Volker Finke

Grupo A

Jogos da primeira fase 

13/06 – Camarões x México, em Natal, às 13h 

18/06 – Camarões x Croácia, em Manaus, às 18h

23/06 – Camarões x Brasil, em Brasília, às 17h

NIGÉRIA

bandeira-nigeria

A Nigéria é uma república constitucional federal que abriga 36 estados e a capital federal, Abuja. O país compartilha fronteiras terrestres com Benim, Chade, Camarões e Níger. Sua costa encontra-se ao sul, no Golfo da Guiné, no Oceano Atlântico.

Com cerca de 170 milhões de habitantes, a atual primeira economia da África, foi a sede de inúmeros reinos e impérios. O Estado moderno da Nigéria tem suas origens na colonização britânica durante o final do século XIX e início do século XX. O país tornou-se independente em 1960.

nigeria mapaA nação africana mais populosa da África é habitada por mais de 250 grupos étnicos, dos quais os três maiores são os hauçás, igbos e iorubás.

O país é dividido ao meio entre cristãos, que em sua maioria vivem no sul e nas regiões centrais, e muçulmanos, concentrados principalmente no norte. Uma minoria da população pratica religiões tradicionais e locais, tais como as religiões igbo e iorubá.

Nigéria na COPA 

A Nigéria, única seleção africana que esteve presente na Copa das Confederações 2013, garantiu a classificação para o quinto mundial de sua história com duas vitórias sobre a Etiópia na fase final das Eliminatórias Africanas. Nas primeiras participações em Copas do Mundo, a equipe chegou às oitavas de final, em 1994 e 1998. Nos Mundiais de 2002 e 2010, a seleção não passou da fase de grupos e espera ter um resultado melhor no Brasil.

Alguns números 

  • Jogos Olímpicos: medalha de ouro – 1996
  • Jogos Pan-Africanos: medalha de ouro – 1973
  • Copa das Nações Africanas: 1980, 1994 e 2013
  • Copa das Nações Afro-Asiáticas: 1995
  • Copa CEDEAO: 1990
  • Campeonato Mundial de Futebol Sub-17: 1985, 1993, 2007, 201
  • Jogos Olímpicos: medalha de prata – 2008
  • Copa das Confederações: 4º lugar – 1995
  • Jogos Pan-Africanos: medalha de prata – 1978, 2003; medalha de bronze – 1991, 2003
  • Copa das Nações Africanas: 2º lugar – 1984, 1988, 1990, 2000
  • Campeonato Mundial de Futebol Sub-20: 2º lugar – 1989, 2005
  • Campeonato Mundial de Futebol Sub-17: 2º lugar – 1987, 2001, 2009
  • Copa da África Ocidental: 3º lugar – 1987
Victor Moses
Victor Moses – Foto: Premier League

Classificação: vitória sobre Etiópia nas Eliminatórias Africanas
Ranking da Fifa: 44º
Melhor resultado: oitavas de final (1994 e 1998)
Craque: Victor Moses
Técnico: Stephen Keshi

Grupo F 

Jogos da Primeira Fase 

16/06 – Nigéria x Irã, em Curitiba, às 16h

21/06 – Nigéria x Bósnia, em Mato Grosso, às 19h

25/06 – Nigéria x Argentina, em Porto Alegre, às 13h

 

GANA

gana flagGana é um país da África Ocidental limitado por Burkina Faso, Togo e Costa do Marfim. A capital e maior cidade do país é Acra. Com 25 milhões de habitantes, Gana é membro da Zona de Paz e Cooperação do Atlântico Sul, Organização das Nações Unidas, da Comunidade das Nações, União Africana e Comunidade Econômica dos Estados da África Ocidental.

Metade do país fica a menos de 152 metros acima do nível do mar e o seu ponto mais elevado tem apenas 883 m.  Construído em 1965, o Lago Volta, o maior lago artificial do mundo, estende-se desde a barragem de Akosombo, no sudeste do país, até à cidade de Yapei. O lago gera eletricidade, fornece uma via de transporte e é um recurso potencialmente valioso para a irrigação e aquacultura.

Gana,  ex-colônia do Reino Unido, também é um dos maiores produtores de grão de cacau do mundo. Sua economia é baseada na extração de recursos naturais como ouro, madeira e cacau.

Gana na Copa 

michael-essienGana estreou em Copas do Mundo há apenas oito anos, na Alemanha, quando foi a única seleção africana a passar da primeira fase no Mundial de 2006, perdendo para o Brasil nas oitavas de final.

Quatro anos depois, a equipe foi mais longe e só saiu nas quartas de final, em um jogo contra o Uruguai que terminou na disputa de pênaltis. Nas eliminatórias africanas, os ganenses selaram a vaga para o Mundial de 2014 ao vencer o confronto contra o Egito.

  • Copa das Nações Africanas: 1963, 1965, 1978, 1982
  • Copa da África Ocidental: 1982, 1983, 1984, 1986, 1987
  • Campeonato Mundial de Futebol Sub-20: 2009
  • Campeonato Mundial de Futebol Sub-17: 1991, 1995
  • Copa do Mundo: 7º lugar (Após levar a decisão para os pênaltis) – 2010
  • Jogos Olímpicos: medalha de bronze – 1992
  • Jogos Pan-Africanos: medalha de bronze – 1978, 2003
  • Campeonato Africano das Nações: 2º lugar – 1968, 1970, 1992
  • Campeonato Mundial de Futebol Sub-20: 2º lugar – 1993, 2001
  • Campeonato Mundial de Futebol Sub-17: 2º lugar – 1993, 1997

Classificação: vitória sobre Egito nas Eliminatórias Africanas
Ranking da Fifa: 37º
Melhor resultado em Mundiais: quartas de final (2010)
Craque: Kevin-Prince Boateng
Técnico: Akwasi Appiah

Grupo G 

16/06 – Gana x Estados Unidos, em Natal, às 19h

21/06 – Gana x Alemanha, em Fortaleza, às 16h

26/06 – Gana x Portugal, em Brasília, às 13h

Confira e compre as camisas das seleções africanas aqui!

Com informações do Portal da Copa  

Por dentro da África

 

 


  •  
  •