São Paulo: Ato homenageará Mestre Moa do Katendê

0

No último domingo (8), o Mestre Moa do Katendê foi assassinado ao manifestar sua opinião política. Ele foi esfaqueado 12 vezes por um eleitor do candidato Jair Bolsonaro (PSL) ao afirmar que tinha votado no candidato Fernando Haddad (PT). Mestre de capoeira e fundador dos Afoxés “Badauê” em Salvador e “Amigos do Katendê”, Moa será lembrado nesta manifestação de amor e resistência, em São Paulo.

O autor do crime, Paulo Sérgio Ferreira de Santana, de 36 anos, teve a prisão em flagrante transformada em preventiva nesta quarta-feira, 10, em audiência de custódia.  Um primo do mestre de capoeira, Germinio Pereira, de 51 anos, foi atingido no braço e socorrido.

Veja o depoimento de Caetano Veloso sobre Moa do Karendê abaixo:

Saiba mais sobre o evento aqui

Serviço:
14/10 – às 11h
Praça da República – São Paulo 

Veja mais casos de agressões após o primeiro turno das eleições presidenciais no Brasil


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here