Rio de Janeiro sediará Festival Internacional de Capoeira

0
  •  
  •  

Capoeira – UNESCO

Rio – Entre os dias 21 e 23, o Rio de Janeiro receberá o Festival Internacional de Arte Capoeira com capoeiristas de todos os estados brasileiros e de vários países do mundo. Durante o encontro, os participantes e convidados terão acesso a muitas atividades como rodas de capoeira, trocas de cordas, apresentações culturais afro-brasileiras, além dos X Jogos Mundias de Capoeira.

No último dia do festival, que já foi apresentado em Cachoeiras de Macacu entre os dias 17 e 20 de agosto, será realizado um workshop de capoeira no Cais do Valongo, com milhares de capoeiristas para homenagear os afrodescendentes.

Veja a programação abaixo: 

21 de agosto

Galpão da Ação da Cidadania – Av. Barão de Tefé, 75. Saúde – Rio de Janeiro – RJ

9h – Cursos e Palestras

14h – X Jogos Mundiais de Capoeira Abadá-Capoeira

​Localizado na região conhecida como “Pequena África”, o Galpão Ação Cidadania faz parte do Cais do Valongo, local de importância na história do Rio de Janeiro e do Brasil.

Centro Cultural José Bonifácio
R. Pedro Ernesto, 80 – Gamboa, Rio de Janeiro  / 9h – Simpósio Inclusivo Abadá-Capoeira

Paralelamente aos treinamentos no Galpão Ação Cidadania, acontecerá, no Centro Cultural José Bonifácio, as considerações finais do Simpósio Inclusivo Abadá-Capoeira com roda literária com lançamentos de livros e novas produções.

22 de agosto

Galpão da Ação da Cidadania – Av. Barão de Tefé, 75. Saúde – Rio de Janeiro – RJ

9h – Batizado e Troca de Cordas

O Batizado é um momento aguardado por todos os alunos do Mestre Camisa e da Abadá-Capoeira, é o momento de reconhecimento do esforço e do trabalho de cada um.

11h – Campanha ABADÁFRO – Mesa de discussão com convidados – Tema: Década Internacional dos Afrodescendentes reconhecimento, justiça e desenvolvimento com os debatedores:

– Desembargador Paulo Rangel do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJ-RJ), autor do livro “A Redução da Menor Idade Penal: Avanço ou Retrocesso Social?”,

– Frei David, presidente da ONG Educafro,

– Desembargadora Ivone Ferreira Caetano do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJ-RJ),

– Mestre Camisa – Presidente Fundador da Abada Capoeira,

– Julio Cesar de Souza Tavares Sociólogo e Antropólogo, Humberto Adami Presidente da Comissão Nacional da Verdade da Escravidão Negra e o historiador Flavio Gomes.

14:00 – 22:00

Semifinais e finais do X JOGOS MUNDIAIS ABADÁ-CAPOEIRA

23 de agosto

Cais do Valongo – Rio de Janeiro – Avenida Barão de Tefé, S/N – Rio de Janeiro – RJ

9h – Aulão CAPOEIRABADÁ

Campanha ABADÁFRO – Cortejo Afro Cultural pelo circuito da Celebração da Herança

Africana. 60 anos do Mestre Camisa

Capoeira é considerada Patrimônio Imaterial da Humanidade 


  •  
  •