Pelo menos 28% das sul-africanas em idade escolar são soropositivas

0
  •  
  •  

Muro em Maputo, Moçambique - Natalia da Luz RIO – Pelo menos 28% das meninas sul-africanas em idade escolar são soropositivas devido ao abuso de homens mais velhos, segundo o ministro da Saúde Aaron Motsoaledi. O anúncio aconteceu nesta quinta-feira na província de Mapumalanga, norte do país. O número de meninos da mesma idade que possuem o vírus é de 4%.

À imprensa, a autoridade disse que é preciso combater esse comportamento de homens mais velhos que se aproveitam das meninas, na maioria, com idade entre 10 e 14 anos. Aaron falou ainda que mais de 94 mil meninas ficaram grávidas em seu país no ano de 2011 e que mais de 77 mil fizeram aborto.

A África do Sul tem 12% da população de 49 milhões de habitantes vivendo com o HIV. Diariamente, cerca de mil pessoas morrem por conta da doença no país. A resistência ao uso de preservativos e anti-retrovirais, a poligamia e abusos sexuais são alguns desafios para conter a epidemia no país.

Por dentro da África 


  •  
  •