Gâmbia: Profissionais da saúde incentivam vacinação contra Covid-19

0
  •  
  •  

Sulayman Manneh recebendo a vacina – Foto de OMS Gâmbia

Com informações da OMS

Desde o lançamento da vacinação contra a Covid-19 em Gâmbia, em 10 de março, os trabalhadores da saúde, entre outros grupos prioritários estão sendo vacinados.

Sulayman Manneh, gestor de Dados do Programa de Controlo da Malária, é um dos membros da equipe no setor da saúde a receber o primeiro lote da vacina Covid-19 em Bakau.

“Costumava ouvir as pessoas dizerem “não tomem a vacina Covid-19 porque é adulterada”. Isso foi partilhado através dos meios de comunicação social e fomos instados a não confiar nas origens da vacina” disse Sulayman.

“Para mim, como trabalhador de saúde de primeira linha, do Ministério da Saúde, tomei a vacina para mostrar às pessoas que as vacinas são seguras e impedem-nos de obter a COVID-19”, acrescentou ele.

Para além de gestor de dados no Programa de Controlo da Malária, Sulayman juntou-se a outros profissionais de saúde e ao governo em geral para aumentar a consciencialização relativamente à utilização da vacina, bem como para defender constantemente as diretrizes da Organização Mundial de Saúde (OMS) COVID-19.

“A nação deve abraçar a vacinação, pois é boa e eficaz na prevenção da COVID-19 juntamente com outras estratégias, tais como o uso de máscaras faciais, lavar as mãos frequentemente com sabão. Receber esta vacina tem sido a melhor coisa para mim. Ela vai salvar-me a vida”.


  •  
  •