Titina Silá e uma homenagem às feministas guineenses

Por Coletivo das Mulheres AfricanasEm 30 de janeiro de 1973, Ernestina Silá (conhecida como Titina Silá), morreu em uma emboscada de militares portugueses enquanto estava a...

Kansala: O embrião do poder mandinga na Guiné-Bissau

Por Calido Mango, Por dentro da ÁfricaTexto escrito a partir de áudio do artista mandinga Lalo Kebba Drammeh e de conhecimentos sobre a cultura do...

“A Democracia como Incerteza”, por Domingos da Cruz

Domingos da Cruz, Por dentro da ÁfricaLuanda - Um juízo possível sobre a democracia é: não é o melhor sistema político, mas é o...

Luaty Beirão e Juan Tomas Ávila: Ativismos, eleições e ditaduras em comum

Por Susan Oliveira, Por dentro da ÁfricaLisboa - Em uma mesa de debates, dois ativistas encontraram-se na “Conferência Internacional Ativismos em África” para...

Guiné-Bissau: Um pouco da cultura balanta

Por Bernardo Alexandre Intipe, Por dentro da ÁfricaEste artigo tem como proposta apresentar brevemente a composição familiar dos balantas perante usos e costumes,...

Sudão do Sul: Para onde foram os nossos sonhos?

Por Gerson Brandão, Por dentro da AfricaJuba – Com exceção de uma tênue paz entre 1972 e 1983, conseguida graças às negociações de Addis Abeba...

África em Verso: “Os escritores e o Natal”, por Gabriel Ambrósio

Gabriel Ambrósio, Por dentro da ÁfricaLuanda - Meu Natal tem origem faraônica, dos faraós até os bantus, antes de chegar em terras brasileiras....

Política em Angola: Sucessão não é transição

Por Domingos da Cruz, Por dentro da ÁfricaLuanda - Estas linhas têm um escopo modesto: demonstrar e esclarecer que a troca de presidente...

África em Verso: “Passeio com Manoel”, por Morgado Mbalate

Em homenagem ao aniversário de Manoel de Barros, em 19 de dezembro Quando eu nasci, minha mãe me ajeitou de passarinho. Tenho uma formiga à flor...

África em Verso: “O menino que nasceu grande”, por Morgado Mbalate

Tudo cabe no meu sonho. Todas as coisas em mim têm semelhanças com aves. Mereço o reconhecimento dos pássaros. Vou morrer para ser ave. Mediante o belo estético...

África em Verso: “Fúria no Kongo”, por Mavenda Nuni y´Áfrika

 Séculos perdidos no próprio solo, solo dividido pelos outros povos, genocídio aos povos. Quem sente a morte dos nossos irmãos do Kongo? Os políticos “amantes do poder” não...

África em crônica: Leprosos da democracia ou estupidez das leis em Angola

Por Fernando Guelengue, Por dentro da ÁfricaLuanda - Qualquer país que se preze é regido por normas que regulam o seu funcionamento, o...